08/01/2021 às 16h51min - Atualizada em 08/01/2021 às 16h51min

Serra Catarinense - São Joaquim

Nem só de praias vive Santa Catarina! A região da Serra Catarinense é belíssima e abriga um dos destinos mais novos de enoturismo do Brasil.



Vinhos de altitude em meio a paisagens estonteantes da Serra.
A Serra Catarinense tem conquistado os admiradores da bebida de Bacco pela qualidade dos vinhos produzidos na altitude da Serra. As três principais regiões produtoras de vinhos são Bom Retiro, São Joaquim e Campo Belo do Sul, sendo que em São Joaquim estão concentradas a maioria das vinícolas. Uma viagem de fim de semana é o suficiente para visitar as vinícolas de São Joaquim, e ter lindas experiências em meio às montanhas da serra. Foi o que fiz e valeu super a pena.

 A viticultura é recente por lá, cerca de 20 anos de cultivo, com vinhedos plantados entre 900 e 1500 m de altitude. A luminosidade constante durante o dia e o ar frio à noite, resultam em uma combinação perfeita para o amadurecimento prolongado das uvas e potencializa a qualidade dos vinhos. A Sauvignon Blanc encontrou na Serra o terroir ideal para o seu cultivo, e é a aposta dos viticultores como uva emblemática da região.

Em São Joaquim, as vinícolas que visitei e merecem destaque são a Villa Francione, Leoni di Venezzia, Villagio Bassetti e Monte Agudo. Todas recebem os visitantes para um tour guiado seguido de degustação.  Além das visitas tradicionais, na Villagio Bassetti, o visitante pode fazer um tour de bicicleta de 5 km para conhecer a propriedade antes de degustar os vinhos maravilhosos que produzem.
Na Leoni de Venezzia, o sommelier da vinícola distribui fichas de degustação e orienta a degustação para os visitantes aprenderem mais sobre a técnica e identificarem os aromas, sabores e características de cada vinho. Muito interessante para quem está aprendendo mais sobre vinhos. Também ofercem pic nic no jardim da propriedade com um cesto de queijos, charcutaria e vinho. Na Monte Agudo, destaque para a degustação ao pôr do sol! Primeiramente o visitante é recebido para uma degustação orientada muito bem detalhada, e o brinde final é feito com espumante na varanda da vinícola com uma vista incrível da serra enquanto o sol se põe.

Para quem tem mais tempo e quer explorar outras vinícolas catarinenses, a Vinícola Thera, em Bom Retiro, além de visita e degustação, também oferece hospedagem, em uma pousada boutique com poucas acomodações e muito requinte.

Não deixe de incluir na programação da viagem a volta pela Serra do Rio do Rastro, uma estrada cheia de curvas a 1.500m acima do mar em meio a uma natureza estonteante de cânions e vasta fauna e flora. Faça uma parada no mirante bem no topo da estrada do Rio do Rastro e de lá se impressionei com a vista panorâmica de toda a estrada e de alguns municípios catarinenses. Aproveite para tomar um café e apreciar a paisagem, no mirante há diversos estabelecimentos comerciais para comprar produtos gastronômicos.
 
Foto: divulgação

Não deixe de incluir na programação da viagem a volta pela Serra do Rio do Rastro, uma estrada cheia de curvas a 1.500m acima do mar em meio a uma natureza estonteante de cânions e vasta fauna e flora. Faça uma parada no mirante bem no topo da estrada do Rio do Rastro e de lá se impressionei com a vista panorâmica de toda a estrada e de alguns municípios catarinenses. Aproveite para tomar um café e apreciar a paisagem, no mirante há diversos estabelecimentos comerciais para comprar produtos gastronômicos.
Por:Marina Schmidt
www.msviagens.tur.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://paposabor.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp