18/02/2021 às 23h17min - Atualizada em 18/02/2021 às 23h17min

Como harmonizar massas, saladas e outros pratos sem carne com vinho

Blog Thera - Papo Sabor
Foto: Divulgação

Dá para ser feliz harmonizando vinhos com pratos que não tem carne? Sim, com toda certeza. Seja você vegetariano ou não, reunimos alguns pratos com legumes e vegetais que ficam incríveis com a taça certa. Prove e comprove!

Culinária árabe

Pratos da culinária árabe são uma boa pedida para deixar os pratos com carne um pouco de lado e experimentar uma segunda-feira livre de carne, como propõe o movimento 
Meat Free Monday.

O clássico tabule, a salada feita com triguilho, tomate, cebola, ervas e especiarias, ou uma salada fatuche, preparada com verduras e legumes, pedem um Sauvignon Blanc herbáceo como o nosso, um Chardonnay ou mesmo um vinho verde.

Para acompanhar as saborosas pastinhas babaganuche (berinjela), o tahine de gergelim e o homus de grão-de-bico, servidas sobre pão sírio, nada como uma bela taça de  um rosé leve e fresco, como os de Provença, ou o nosso, que segue a mesma linha.

arroz Mjadra, elaborado com lentilhas e cebola frita, pede um Chardonnay.

Saladas

As saladas de folha verdes ou aquelas que levam frutas fazem par com um bom espumante. Uma saladinha caprese, com tomate, muçarela de búfala e manjericão fica sensacional com um Sauvinon Blanc.

Hambuguer

Para um hamburguer vegetariano elaborado com cogumelos shitaki ou shimeji, uma excelente opção é um vinho feito com a uva Sangiovese, como nosso Pieno.

Massas

Para quem é fã de massas, há opções maravilhosas sem carne. Espaguete, nhque, talharim... Quem dita o vinho, neste caso, é sempre o molho. Para o Pomodoro, elaborado com tomates, sugerimos o Pieno ou um Chianti.

Molhos quatro queijos vão em com Chardonnay ou espumante Brut ou 
extra brut. Para massas ao pesto nada melhor do que um Sauvignon Blanc. No caso de cogumelos ou funghi, as melhores opção novamente são nosso Pieno ou um 
Chardonnay.

Se a sua opção for um risoto de alho poró aposte sem medo em um Sauvignon Blanc. No caso do risoto funghi, um Pieno.

Sopas
Para os dias mais frescos ou para aqueles que queremos algo bem leve, uma sopa ou creme é sempre boa opção. 
Sopa de cebola, ao melhor estilo francês com queijo por cima e croutons, pede um tinto leve como Gamay ou Pinot Noir ou um Sauvignon Blanc,
Um creme de abóbora com gengibre, para aquecer até a alma, pede nosso 
Madai, um blende de Merlot, Cabernet Franc, Malbec e Syrah.
Para um creme de grão-de-bico, nosso Pieno ou 
Chardonnay com leve passagem por barrica são excelentes;

Opções não faltam para explorar as harmonizações mesmo quando não há carne no cardápio. 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://paposabor.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Fale conosco pelo Whatsapp